5 artistas para você esquecer tudo que (acha que) sabe sobre k-pop

Acho que não existe uma pessoa no Brasil que não tenha ouvido falar de k-pop. A febre começou com a música Gangnam Style (sim, aquela da dança do cavalinho) cujo videoclipe se tornou viral em 2012 e levou Psy, o cantor da música, à fama internacional e, junto a ele, o k-pop.

Psy abriu as portas para diversos artistas tomarem o mundo. BTS, EXO, GOT7, Monsta X, BLACKPINK, Red Velvet e K.A.R.D. são apenas alguns dos artistas que fazem sucesso entre os brasileiros. Mas o k-pop não se resume a Gangnam Style e coreografias super sincronizadas. E é sobre isso que vamos falar hoje!

Nós compilamos uma lista com alguns artistas sul coreanos que vão te fazer rever tudo que você acha que sabe sobre k-pop. E que, com sorte, vão fazer você se tornar fã (ou pelo menos dar uma chance) para esse gênero musical maravilhoso. Vem com a gente!

winner_1452908246_af_org

[Descrição da imagem: podemos ver os cinco integrantes do boygroup Winner. Da esquerda para a direita eles são Seunghoon, Mino, Jinwoo, Taehyun e Seungyoon.]

1. DAY6

O primeiro grupo que você precisa conhecer se chama DAY6. Eles são uma banda composta por Jae, YoungK, Wonpil, Dowoon e Sungjin (anteriormente tinha um sexto integrante, o Junhyeok). Diferente do que muitas pessoas pensam, tem banda no k-pop sim. E DAY6 é uma das melhores da atualidade. Eles compõem as próprias músicas (o que não acontece com frequência no gênero), e possuem um som bem distinto.

Além do DAY6, nós temos outras bandas no k-pop, como CNBLUE, N.FLYING e F.T.ISLAND. Mas estas fazem uma música mais comercial, com vários elementos do pop-rock. Enquanto o DAY6 possui um som mais alternativo, que, mesmo depois de apenas dois mini-álbuns, já os distingue dos demais.

O vídeo que acredito ser a melhor introdução a DAY6 é o mais novo single deles, chamado I’m Serious, que faz parte do projeto EveryDay6 através do qual todo mês eles lançam uma música + videoclipe novos. Dá play no vídeo para conhecer os meninos do DAY6!

2. f(x)

O segundo grupo da nossa lista é o f(x), um girlgroup formado por Krystal, Amber, Luna e Victoria (anteriormente, elas tinham uma quinta integrante, a Sulli). O f(x) foi criado em 2009 e de lá pra cá as meninas já tentaram os mais diferentes conceitos (que é como é chamado, dentro do k-pop, a ideia por trás de um álbum e/ou artista); mas a forma que o grupo tem de abordar esses conceitos – até os mais explorados, como o colegial, é o que o separa dos outros grupos e é o por quê dele estar nessa lista.

O f(x) é um grupo experimental, o que é algo bem difícil de encontrar dentro do gênero e mais ainda na gravadora do grupo – a SM Entertainment, responsável por grandes nomes como Girls’ Generation, Super Junior, EXO e SHINee. A SM é um pilar dentro da indústria, o que eles fazem influencia os seus concorrentes e é considerado o padrão para o k-pop. E é um grupo da própria gravadora responsável por quebrar (dentro dos limites) este padrão.

O álbum mais recente do grupo, intitulado 4 walls, foi eleito por muitos críticos como um dos melhores álbuns da história da música pop sul coreana e que sintetiza o desejo de experimentar do grupo através de uma mistura de U.K. garage (gênero de música eletrônica do Reino Unido dos anos 90), tropical house (subgênero da deep house) e muitas doses de sintetizadores. Assiste o videoclipe da faixa-título desse álbum maravilhoso!

3. Lee Hi

A cantora Lee Hi é a próxima na nossa lista. Sim, o k-pop não é feito apenas de grupos numerosos, tem artista solo também! E Lee Hi é uma das melhores. A jovem participou do reality K-POP STAR e terminou em segundo lugar, conseguindo um contrato com a YG Entertainment, que também é a casa de artistas de renome mundial como BIG BANG, 2NE1 e o dono do hit Gangnam Style, o Psy.

O primeiro álbum de Lee Hi, lançado em 2013 e chamado First Love, foi uma ótima estreia. Em 11 faixas, o vocal forte da cantora, que lembra a diva Adele, canta baladas pop que flertam com o jazz. First Love foi um teste para que, em 2016, Lee Hi lançasse o seu segundo álbum – o Seoulite, um álbum totalmente de jazz, R&B e hip-hop, produzido por Tablo, do grupo coreano de hip-hop Epik High.

Lee Hi tem uma voz soulful, ela canta com a alma e você consegue sentir cada palavra dita por ela. Juntando isso às excelentes composições de Seoulite, de autoria de Tablo, da própria Lee Hi, do cantor Dean, de Jonghyun (SHINee) e outros faz com que Seoulite seja o melhor álbum feminino de 2016. E por isso, te peço para tirar 4 minutinhos e ouvir Hold My Hand, um dos singles do álbum.

4. WINNER

O boygroup WINNER fez a sua estreia em 2014 e desde então lançou dois mini-álbuns, o 2014 S/S e o EXIT:E. Eles foram criados pela YG Entertainment (mesma empresa da Lee Hi) e passaram por um reality de sobrevivência no qual tiveram que competir com outro grupo em treinamento e, no final, apenas um deles se tornou um boygroup oficialmente.

Os integrantes do grupo são Seungyoon, Seunghoon, Mino e Jinwoo (o WINNER costumava ter cinco integrantes, o quinto sendo Taehyun) e eles participam ativamente do processo de produção dos seus álbuns, contribuindo com ideias para criar o “conceito”, compondo músicas e escrevendo letras. Como resultado, é possível sentir o tom pessoal e intimista nas canções do grupo.

O álbum mais recente do WINNER foi produzido durante 18 meses e foge bastante do que é esperado dos boygroups. Ao invés de coreografias super sincronizadas e músicas chicletes, em EXIT:E o grupo brinca com a dance music, hip-hop, R&B e rock. A maioria das letras do álbum foi escrita por Taehyun, que deixou o grupo no início de 2017 para cuidar da sua saúde mental; as letras exploram os sentimentos de solidão, ressentimento e coração partido. Assiste o vídeo abaixo para conferir Sentimental, um dos singles do EXIT:E!

5. Akdong Musicians

Também conhecidos como AKMU, a dupla é composta pelos irmãos Suhyun e Chanhyuk, que assinaram um contrato com a YG Entertainment após participarem da segunda temporada do programa K-POP STAR. Dentro do programa, a dupla ficou conhecida pelo ar folk e divertido, e, fora dele, os irmãos cresceram como artistas, mas sem perder o humor.

AKMU é conhecido pelos ótimos vocais não só de Suhyun, que é a vocalista principal, mas também do seu irmão Chanhyuk, compositor das canções da dupla e o rapper. Com três álbuns lançados – Play, Spring e Winter, AKMU se consolidou como uma das raras bandas de folk a se tornar mainstream no cenário musical sul coreano.

Mas com cada álbum os irmãos experimentam mais, explorando além do folk-pop e adicionando elementos teatrais às suas músicas e aos seus videoclipes, que são sempre repletos de humor. Ainda esse ano o grupo vai fazer uma pausa para que Chanhyuk complete o serviço militar obrigatório então essa é a sua chance de assistir e ouvir tudo do AKMU! Começa clicando no vídeo abaixo. Corre!

BÔNUS: Wonder Girls

Depois de oito anos de carreira, um dos maiores girlgroups de k-pop se reinventou e largou coreografias e o som notoriamente pop. O Wonder Girls lançou, em 2015, o álbum Reboot que causou o maior alvoroço na Coreia do Sul pois as meninas decidiram tocar instrumentos musicais e promover como uma banda.

Hoje, o girlgroup não está mais ativo. Porém os dois álbuns que lançaram com o novo formato foram o bastante para garantir o lugar delas na nossa lista. Aí embaixo você confere o videoclipe da música Why So Lonely, o último single do grupo e que traz uma mistura de reggae e pop. 

E aí, gostou das nossas indicações? Estamos torcendo pra que sim! Não deixa que o idioma seja uma barreira, dá uma chance pro k-pop que tem muita coisa boa pra você conhecer. E, se quiser mais indicações, deixa um comentário aqui que a gente te responde ligeiro!

Rebeca de Arruda
meus textos | twitter | goodreads

Social Media, entusiasta do k-pop e doramas. Lê livros demais, vê séries demais e uns filminhos também. Vive para problematizar (e amar) a cultura pop — e também para enaltecer The Shannara Chronicles!

Anúncios

2 comentários sobre “5 artistas para você esquecer tudo que (acha que) sabe sobre k-pop

  1. Pingback: As 10 melhores músicas sul-coreanas do primeiro semestre de 2017 | Pavê

  2. Pingback: 5 clipes trevosos para você entrar no clima de Halloween | Pavê

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s