The Abyss Surrounds Us: Sci-fi indie de primeira

O mês do orgulho LGBT está aqui, e como tal, não podia deixar de indicar uma das minhas leituras favoritas dos últimos tempos. Foi difícil escolher sobre qual livro eu ia falar, mas no fim nem precisei pensar muito: The Abyss Surrounds Us, da Emily Skrutskie, ganhou meu coração desde a primeira página.

WhatsApp Image 2017-06-02 at 13.25.11 (1)

The Abyss Surrounds Us é uma história futurística que se passa em um mundo onde o aquecimento global é muito real e praticamente alagou metade das terras do planeta. Devido ao estranho clima e ao novo confinamento de terras, é preciso retomar um velho conhecido da humanidade – a navegação. Mas assim como as nações tem seus navios, os piratas também os têm, e como no passado, são eles que dominam os mares.

É aí que entram os Reckoners. Os Reckoners são monstros criados em laboratórios, geneticamente modificados, praticamente do tamanho de um navio. São treinados desde o berço para estraçalhar navios piratas e inimigos, e vivem nos mares como grandes kaijus que protegem os navios mercantis. Nossa heroína, Cassandra Leung, é uma garota Asiática-americana que a vida inteira treinou Reckoners e está pronta para aceitar uma missão solo no mar com Durga em um navio.

Bom, é bem evidente que uma das coisas que mais me encantou na premissa foi que me lembra muito Pacific Rim, um dos meus filmes favoritos de todos os tempos. Outra coisa muito legal é a história dos piratas e como a autora constrói o mundo — tudo é muito bem explicado, e nada fica a deriva dentro da história. O worldbuilding é bem feito e crível, e logo você está completamente imerso dentro da história de Cassandra (perdoe todos os trocadilhos com mar nessa resenha, é por uma boa causa).

No entanto, assim que Cassandra sai em sua missão, tudo dá errado — sua reckoner morre durante um ataque de piratas, e Cassandra é levada a bordo do navio com uma única missão: treinar um Reckoner para uso da rainha dos piratas.

Se essa premissa já não te convenceu a ler, não sei mais o que posso fazer por você. A autora consegue nos prender em uma trama simples mas que não deixa de ser interessante. Os piratas estão finalmente prontos para revidar – e Santa Elena, a rainha dos piratas, quer treinar um Reckoner para atacar os navios mercantis e conseguir sua mercadoria mais facilmente. Dentro da história, Cassandra se vê presa dentro de um lugar do qual não pode escapar e não há saída — e ela terá que ser mais esperta que um bando de piratas para conseguir voltar para casa.

WhatsApp Image 2017-06-02 at 13.22.48 (1)

Há tanta coisa incrível nesse livro, começando pelas personagens femininas. Declaro aqui meu amor eterno por Santa Elena, uma mulher que ao mesmo tempo é cruel e sábia, que tem compaixão mas também sabe exatamente o que quer e como conseguir. Foi tão fácil me apegar a ela e como ela comandava o seu navio. Os outros personagens também são incríveis e completos, e deixam a história com um gosto ainda melhor.

Mas uma coisa que eu não esperava gostar tanto era o romance. Eu sou muito chata para romance, já falo desde já. Os personagens tem que ser muito desenvolvidos, tem que ter química, o desenvolvimento do romance tem que fazer sentido e todos os personagens tem que agir como ser humanos normais (e não abestalhados que esquecem como é ser funcional assim que o coração começa a bater mais rápido). Pra eu me envolver realmente em um ship, tem que ser MUITO BOM.

E The Abyss Surrounds Us me proporcionou com um dos melhores ships de YA dos últimos anos. Ao abordar o Minnow, Cassandra se depara com uma garota que é a sucessora de Santa Elena, Swift. Swift é tudo que Cassandra deveria odiar — uma pirata que não liga para os outros, egoísta, e que só pensa em si mesma. E no entanto, há uma clara atração entre as duas.

É tão bom ver o romance se desenvolvendo em meio a trama do livro. É um daqueles slow-burns no qual você quer aproximar os dois personagens e gritar “SE BEIJEM LOGO!!!!”. O livro, que é bem curtinho, não se perde nem na trama nem no romance — consegue ser sucinto sem ser sem-graça, e consegue nos deixar esperando pela próxima história e o que irá acontecer depois. Os personagens, a trama, o cenário — tudo em The Abyss Surrounds Us é de primeira qualidade, e não dá pra acreditar que esse livro é apenas um indie e não está em todas as listas bestseller. Então se você está procurando uma ficção científica que também tenha um romance lésbico (ou mesmo só uma boa e velha ficção científica), não posso deixar de recomendar esse livro pelo qual me apaixonei e quero muito exaltar o tempo todo.

The Abyss Surrounds Us está disponível em paperback pela editora Flux e no kindle, mas somente em inglês. A continuação, The Edge of the Abyss, também já está disponível — e garanto que é ainda melhor do que o primeiro livro.

Laura
meus textos | twitter | goodreads | pinterest
Escritora com um sonho distante de ter um diploma de faculdade. Fã de Hamilton e Star Wars. Lê muito e dorme pouco. Loka de muitas coisas.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s