Shimmer Lake é um suspense despretensioso

MV5BZGQ0OWFhNTgtYTJiOS00MDU1LTg2MTgtZTU5NzQ4Yjg0YzkxXkEyXkFqcGdeQXVyNjEwNTM2Mzc@._V1_SX1777_CR0,0,1777,999_AL_

Segundo uma teoria extremamente complexa – não – criada por mim e minha mãe, existem pelo menos dois tipo distintos de diversão, o primeiro tipo nós costumamos chamar de “diversão cabeça”, e o segundo, e também meu preferido, a “diversão despretensiosa”. O post de hoje vai dar uma ótima dica do segundo tipo de diversão.

Shimmer Lake é um filme de suspense da Netflix, de apenas 83 minutos, que conta de trás para frente, a investigação de um assalto a banco realizado pelo irmão do xerife da cidade. O filme narra, de trás para frente, os acontecimentos que sucedem o crime, durante uma semana inteira, mostrando que os suspeitos acabaram em uma trilha de cadáveres.

MV5BZTc5YzkxY2QtNTZkNi00NGNlLWI5N2UtMWY2OTNjODUyNDBlXkEyXkFqcGdeQXVyMTk5MjkzMjU@._V1_SX1777_CR0,0,1777,735_AL_

Descrição da imagem: Chris Morrow, Andy Sikes e Ed Burton sentados envolta de uma mesa com uma planta do banco.

Screen-Shot-2017-06-10-at-9.35.41-PM.png

Descrição da imagem: o xerife Zeke encara algo além da câmera com a testa franzida.

As primeiras cenas se passam na sexta-feira e vão regredindo até o dia em que o assalto de fato ocorreu. Acompanhamos a investigação conduzida pelo xerife Zeke, que busca o paradeiro do irmão, Andy.

A sinopse oficial se refere ao longa como um “suspense de humor negro”, termo que eu, particularmente acho bem tosco, mas que acaba funcionando justamente por causa do clima despretensioso que a história passa.

Ainda sobre a linha temporal da narrativa, a estrutura não linear é o ponto forte da história. Esse foi, de longe, meu aspecto preferido do filme. Esse recurso narrativo prende a atenção do espectador e permite que sejam inseridas diversas pistas sobre o desfecho que, à primeira vista, parecem não importar, mas chegam a ser gritantes quando o filme é assistido mais vezes.

shimmer-lake02

Descrição da imagem: Steph Burton encara alguém que não aparece na imagem com cara de “vai pro inferno”

Aconselho também a dar atenção especial à Steph Burton, esposa de um dos criminosos, interpretada pela atriz Stephanie Sigman. A excelente atuação que dá vida à uma personagem complexa me prendeu desde o começo do filme e, ao longo da história, me fez gostar cada vez mais dela.

Como qualquer suspense, não dá pra falar muita coisa do enredo sem revelar spoilers, mas se você, assim como eu, encarar Shimmer Lake como diversão despretensiosa, sem expectativas muito elevadas, é provável que se surpreenda.

Se estiver acostumado a ler e/ou assistir suspenses, é provável que você, assim como eu, você vá pegando as pistas e desvendado o crime sozinho, mas mesmo que seja esse o caso, o filme não perde a graça em nada.

Laís
meus textos | twitter | tumblr | skoob
Lis é estudante de letras que queria viver umas dez vidas pra estudar, ler e assistir tudo o que tem vontade. Rainha do fandom de um membro só. Não sabe controlar o sarcasmo.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s