Strong Girl Bong-Soon: o dorama que você não sabia que precisava

O post de hoje vai te apresentar a um dos melhores doramas do ano, que é puro girlpower e acabou de entrar no catálogo da Netflix. Vem conhecer Strong Girl Bong-Soon!

Strong-Woman-Do-Bong-Soon-poster-1

[Descrição da imagem: Bong-Soon levanta um carro com apenas uma mão enquanto Minhyuk e Gukdoo a observam, com espanto.]

Strong Girl Bong-Soon foi exibido entre fevereiro e abril desse ano, pela emissora sul-coreana JTBC, e conta a história de Bong-Soon (Park Bo Young), uma mulher que nasceu com força sobre-humana. O poder é hereditário e passado entre as mulheres da sua família. Ela leva uma vida normal, procurando um emprego e tentando ajudar os outros sem chamar atenção para si mesma, com medo de seu poder ser exposto.

Um dia, Bong-Soon presencia um motorista de ônibus sendo atacado por criminosos e corre a seu resgate. Enquanto a cena se desenrola, Minhyuk (Park Hyungsik), que estava passando pelo local, presencia tudo e fica impressionado com a força de Bong-Soon então decide contratá-la como sua guarda-costas. Ele é o CEO de uma empresa que desenvolve videogames e, recentemente, tem recebido ameaças anônimas então ter Bong-Soon como sua guarda-costas é tudo que ele precisa no momento.

screenshot-2017-02-25-at-1-08-43-pm

[Descrição da imagem: Minhyuk, com uma expressão triste, utiliza as duas mãos numa queda de braço com Bong-Soon, que parece indiferente.]

Como Bong-Soon nunca teve intenção explorar a sua superforça para ganhar dinheiro, ela aceita o emprego com a condição de que, uma vez dentro da empresa, ela também terá a oportunidade de desenvolver videogames. Apesar do seu poder ser digno dos melhores games, Bong-Soon nunca se identificou com as personagens então o seu sonho é desenvolver um videogame no qual ela seja a personagem principal.

Ao mesmo tempo em que tem que se adaptar ao novo ambiente de trabalho, Bong-Soon também precisa lidar com o seu crush de anos, que nunca a viu como mais que uma amiga, e que agora, pra completar, ainda arrumou uma namorada. Para Bong-Soon, a amizade dos dois nunca evoluiu para além disso pois Gukdoo, o seu crush, gosta de mulheres que aparentam ser frágeis e para se encaixar no padrão dele, Bong-Soon tenta de todas as formas esconder a sua força quando perto de Gukdoo.

E além da trama de autoconhecimento e romance, Strong Girl Bong-Soon também conta com um veia criminal. O crush da nossa protagonista é policial e está investigando uma série de desaparecimentos de mulheres que moram no mesmo bairro de Bong-Soon. E adivinha só quem vai acabar se envolvendo nessa investigação? Ela mesmo, Bong-Soon Mello.

093710f94ab83b48d5fc7b5d66c75fac

[Descrição da imagem: Bong-Soon luta boxe com Minhyuk. Ela sorri enquanto ele apresenta uma expressão de dor.]

O dorama acompanha Bong-Soon enquanto ela se descobre no âmbito familiar, amoroso, profissional e até como justiceira, por que não? Bong-Soon é daquelas personagens que a gente acolhe na nossa vida e cuida para que nada de mau aconteça; e mesmo que seja bem claro que ela não precisa que ninguém a proteja, a gente continua lá, do lado e torcendo para que tudo dê certo.

Outro ponto bem legal de Strong Girl Bong-Soon é o poder que Bong-Soon possui, e a narrativa não falha em explicar como ele funciona, quais são as suas regras e, também, usá-lo como uma ponte para discutir o relacionamento das mulheres da família de Bong-Soon e como elas lidam com a superforça.

E para quem gosta de uma boa trilha sonora, esse é um dos pontos fortes do dorama, que conta com canções de Jung Eunji, do grupo Apink; da cantora de R&B Suran; da artista solo Chungha; do grupo de k-pop Mamamoo; e, ainda, do ator que interpreta o CEO Minhyuk, Park Hyungsik. Cuidado com os spoilers se for espiar os vídeos da trilha sonora.

Strong-Woman-06-00082

[Descrição da imagem: Bong-Soon parece discutir com Gukdoo enquanto Minhyuk observa os dois, com uma expressão surpresa.]

O único ponto que me incomodou foi que considerei a resolução do crime um pouco apressada. O mistério ao redor do que está acontecendo, quem é o criminoso e qual a sua motivação são alguns dos melhores momentos do dorama e que foram muito bem construídos ao longos dos 16 episódios. Porém, já na reta final, tive a impressão de que tudo aconteceu muito rápido, talvez para dar espaço ao romance, que também é excelente.

Mesmo com essa pequena falha, considero Strong Girl Bong-Soon um dos melhores doramas do ano. Temos uma protagonista que além de ser a melhor pessoa do mundo, ainda tem superpoderes; interesses românticos para suprir aquela vontade eterna canceriana de romance; mistério para você não desgrudar o olho da tela; e muitas cenas familiares para acalentar o coração. Então corre agora na Netflix e assiste Strong Girl Bong-Soon! Você não vai se arrepender.

Rebeca de Arruda
meus textos | twitter | goodreads
Social Media, graduada em Jornalismo, entusiasta do k-pop e doramas. Lê livros demais, vê séries demais e uns filminhos também. Vive para problematizar (e amar) a cultura pop — e também para enaltecer The Shannara Chronicles!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s