But Milk is Important é um curta de animação de aquecer o coração

but-milk-is-important-short-of-the-week

No post de hoje, trago uma indicação que pode alegrar os corações daqueles que gostam de animação, em especial, curtas. But Milk Is Important (Mas Leite é Importante) é um curta de animação stop motion de  Eirik Grønmo Bjørnsen e Anna Mantzaris.

O curta é extremamente visual e trabalhado nos detalhes, apesar de ter algumas pouquíssimas falas, é basicamente uma narrativa silenciosa, inquieta, levemente humorada e simpática que acompanha um protagonista com ansiedade social. Continuar lendo

Anúncios

Parks & Recreation: um sitcom amorzinho

screen-shot-2015-09-01-at-2-59-57-pmEssa semana oficialmente resolvi me dar férias e não trabalhar em absolutamente nada (a não ser esse post do pavê). Já faz alguns anos da última vez que consegui fazer isso (risos), então eu mal lembrava a sensação de não estar trabalhando em alguma coisa. E para relaxar, eu precisava ver uma série que me fizesse sentir bem.

Comecei Parks & Recreation, e não estou arrependida de forma alguma.

Continuar lendo

5 motivos para amar Cinderella (1997)!

Todo mundo deve conhecer a história da Cinderela. Um clássico dos clássicos né. É um dos contos de fada que mais tem adaptações cinematográficas, tanto da forma clássica como em releitura moderna. Mas você conhece o Cinderella de 1997?

Descobri esse filme de ouro graças à miga Lorrane e desde que soube da existência dele, não paro de pensar a respeito. É um filme da Disney feito para televisão, então só não é O FILMAÇO que poderia ser por ter um orçamento muito menor do que grandes produções e consequentemente, pouca distribuição também. Mas isso não impede o filme de ser completamente encantador como uma boa história de conto de fadas é.

Bom, essa foto de capa de post sozinha é motivo o suficiente para amar a existência desse filme. Olha essa foto!!! Mas vou falar um pouco sobre esse filme e porque ele é tão incrível. Caso você tenha oportunidade de assisti-lo um dia, por favor, nunca te pedi nada!

Brandy-Cinderella Continuar lendo

Todo o amor de Queer Eye

No começo do mês, a Netflix lançou uma nova versão do reality show Queer Eye. Um reboot de Queer Eye for the Straight Eye, lá do comecinho dos anos 2000, o programa nos apresenta cinco caras gays, cada um com uma especialidade diferente, que vão ajudar oito homens a dar um jeito em todos os aspectos de suas vidas. Sabe todos aqueles programas de reforma do Discovery Home & Health e GNT? Então, é uma mistura disso tudo – mas melhor.

Eu estava um pouco com preguiça de assistir, confesso, mas quando o final de semana chegou e não tinha mais nada pra fazer, resolvi dar uma chance pro programa. E acabei largada no sofá sem saber lidar com tanto AMOR antes mesmo do primeiro episódio acabar.

queer eye 3

Continuar lendo

As reflexões e problemáticas de Eu, Tu e Ela

Eu, tu e ela 4

Buscando uma série curtinha e que pudesse assistir sem muito compromisso, me deparei com Eu, Tu e Ela, colocada na plataforma Netflix como uma de suas produções originais. A sinopse chama a atenção ao apresentar a pretensão de tratar de uma relação a três, aparentemente de forma leve e com um ar de “quebrar o tabu”. Algo assim desperta a curiosidade mas de cara também levanta as anteninhas em relação à abordagem problemática do tema: uma mulher se envolve com um casal, de um homem e uma mulher, por ser uma “acompanhante”, ou seja, algo como “prostituta de luxo”.

Continuar lendo

Let’s Eat: um dorama para quem ama boas histórias e culinária

De acordo com a lenda, no Brasil o ano só começa depois do Carnaval. E por isso hoje, na quarta-feira de Cinzas, o Pavê te apresenta a um dorama para começar o ano com o pé direito e que vai te fisgar pelo estômago e pelo coração.

lets-eat-korean-poster

[#PraCegoVer: Da esquerda para a direita temos os personagens Kim Hakmoon, Lee Sookyung, Koo Daeyoung e Yoon Jinyi. Cada um deles está rodeado pelos mais diversos pratos.]

Let’s Eat é um dorama que mistura romance, amizade, mistério e muito foodporn. Garanto que é impossível não se encantar por essa história.

Continuar lendo