Quando me descobri negra: a delicadeza bruta de um relato sincero

É sempre muito bom encontrar leituras que acabam sendo importante para nós e nos ajudam a enxergar o mundo de outra forma. É sempre ótimo ler aquelas passagens que te deixam pensando “nossa, isso é tão eu!”. Foi essa sensação maravilhosa que eu tive enquanto lia Quando me descobri negra, esse livro lindo da Bianca Santana, do qual vamos falar um pouquinho hoje!

Sem Título-1

Continuar lendo

Coraline: Filme e Livro, a essência do medo e da coragem através de fantasia e surrealismo

coraline_010-2

Coraline Jones. Você já deve ter ouvido falar dessa garota. Além de sua obra original, também possui uma adaptação para os cinemas e tanto a obra original quanto a adaptação são bem famosas. Pode ser que você já tenha lido o livro, mas de repente não parou para conferir o filme. Pode ser que você tenha assistido o filme uma pá de vezes, porém nunca chegou perto do livro. Ou você gostou da história o suficiente para conferi-las de todos os jeitos. Hoje venho falar da história de Coraline: uma resenha tanto do livro e outra do filme, comparações, conclusões e porque você devia conhecer essa história e porque ela se encaixa tão bem nesse Pavê Trevoso.

Continuar lendo

Fazendo Ana Paz: sobre a formação de um personagem

Você sendo ou não escritor é sempre interessante ler sobre o processo criativo de outros autores. Entender melhor como aquela pessoa desenvolve e elabora suas histórias e personagens acaba sendo uma jornada que para nós, amantes dos livros, incrível de ser percorrida. Hoje vamos falar um pouquinho sobre a obra Fazendo Ana Paz, da Lydia Bojunga, que trata justamente disso.

Sem Título-2

Continuar lendo

O Ódio Que Você Semeia: um livro mais que necessário!

Há alguns meses um livro sensacional foi lançado na gringolândia. Eu já vinha esperando pra ler essa obra há um tempo, então fiquei animadíssima quando finalmente tive a oportunidade de conhecer essa história incrível que ganhou completamente meu coração. Semana que vem o livro chega aqui no Brasil, então vamos falar sobre O Ódio Que Você Semeia, da Angie Thomas?

Untitled-2

Continuar lendo

Você PRECISA ler Better At Weddings Than You!

Nos últimos tempos eu tenho lido muitas histórias de amor, porque a vida é curta demais pra eu não me jogar na vida trouxa, não é mesmo? E foi durante uma jornada em busca da minha próxima leitura que eu esbarrei em Better At Weddings Than You, da Mina V. Esguerra. Decidi ler esse livro e foi uma das melhores decisões que tomei nessa vida!

Untitled-2

Continuar lendo

#desafiopave: As Lendas de Dandara

A categoria do livro de abril era “uma biografia” e eu posso ou não ter roubado um pouquinho quando indiquei As Lendas de Dandara, afinal, esse livro não é exatamente uma biografia da guerreira, pois tem aquele toque de ficção por todo lado. Mas, bem, todo mundo concordou que esse seria um livro interessante pra ler, ainda mais pelo pouco que sabemos e estudamos sobre Dandara, então esse acabou sendo o livro escolhido para o Desafio Pavê desse mês!

Untitled-8

Continuar lendo

3 bons motivos pra ler Boa Noite

A essa altura você com certeza já ouviu falar sobre Boa Noite, da Pam Gonçalves, mas existe aquela chance de ainda não ter dado a devida chance pro livro (sério mesmo?), então no palê de hoje vamos checar três pontos interessantes dessa obra, que, com toda certeza, fazem essa leitura valer muito a pena!

Untitled-1

[Descrição da imagem: foto do livro Boa Noite, em que vemos a imagem de capa, que contém a frente de uma casa de parede de tijolos e o título do livro escrito grande na capa.]

Continuar lendo

A Canção de Aquiles, uma releitura encantadora de um grande clássico

Acompanhe a gente nessa resenha e venha conhecer essa obra incrível que tem encantado os leitores, vencedora do Prêmio Orange de Literatura de 2012 e aclamada mundialmente, a qual certamente irá te surpreender por sua fantástica história.

Quem segue o blog há um tempo, ou mesmo quem começou a nos ler recentemente, deve ter reparado no meu interesse desenfreado por mitologia – isso porque ele é tão presente que sempre faço questão de citá-lo. Desde a infância, tenho sido atraída por divindades, heróis e criaturas de diferentes culturas, que habitavam a minha imaginação e me fascinavam. A primeira com a qual tive contato, principalmente por causa da escola, foi a mitologia grega. E um dos primeiros heróis gregos com os quais me deparei, também,  é aquele que protagoniza um dos maiores clássicos já escritos, a Ilíada, de Homero: Aquiles.

tsoa2
Continuar lendo