Sense8, união, e a expansão da consciência humana

sense8-logo

Com a proximidade da estreia de sua segunda temporada, prevista para 05 de maio desse ano, chegou a hora de (finalmente) comentarmos sobre Sense8 – uma das criações do serviço de streaming Netflix e que vem impressionando, desde que foi oficialmente lançada em junho de 2015, àqueles que a assistem. Essa é mais uma das séries com as quais você com certeza já deve ter se deparado por aí, seja por sua excelente recepção crítica ou pela imensa quantidade de fãs que conquistou, após uma temporada de doze incríveis episódios e, recentemente, em dezembro do ano passado, um especial de duas horas de duração.

De qualquer maneira, é inegável que Sense8 se tornou um enorme sucesso e que só tem ganhado mais reconhecimento conforme os dias passam. Agora, é o momento de relembrar os importantes ensinamentos da série, refletir sobre as mensagens que a mesma nos transmite e, em nível equivalente, te apresentar os vários motivos pelos quais você deveria começar a acompanhá-la.
Continuar lendo

O poder da Nostalgia

Nessa altura do campeonato, Deus, sua mãe, seu papagaio, sua avó e todo mundo já falou sobre o seriado da Netflix, “Stranger Things”. No começo, parecia um seriado como todos os outros da rede – bem curado, com filmagens interessantes e roteiro diferente. Mas quando vi o trailer, parecia também dedicado a um nicho muito específico dos assinantes.

Vamos lá. Eu sempre gostei da “vibe” de Stranger Things. Cidade pequena, mistérios acontecendo, crianças envolvidas. As crianças são personagens tão bem desenvolvidos quanto os adultos, e todos eles têm uma parte principal da trama. Eu cresci vendo E.T. e alguns desses outros filmes dos anos 80, então abrir Stranger Things foi como voltar a minha infância. Foi como ligar a TV e saber exatamente onde eu estava: em casa.

4118bc185081d7b9ff5160dc6e5304cbaab081a7

Continuar lendo

‘Mozart in the Jungle’: a música está em você

mozart-in-the-jungle-poster

Mozart in the Jungle não é uma obra convencional. Com uma premissa interessante e roteiro convidativo, não se poderia esperar menos: a série traz consigo mensagens de impacto, usualmente concernindo a música, o amor e a ambição, que são retratadas de maneira sutil através de diálogos divertidos e despretensiosos. Estes, em um primeiro momento, podem até não aparentar ser tão profundos. Contudo, se você os observar de perto, perceberá que são muito mais significativos do que imagina.
Continuar lendo